Decorar a cozinha com orçamento reduzido

Independentemente se a sua cozinha for pequena ou se tiver pouco dinheiro para investir na decoração, o que importa é a a sua criatividade e sentir-se bem quando está a cozinhar ou a tomar refeições com os filhos, família e/ou amigos. A cozinha é o lugar onde podemos relaxar: abrir o frigorífico e o armário para podermos experimentar novas receitas culinárias retiradas da Internet ou mesmo passadas pelas nossas mães.

A decoração diz muito sobre a sua personalidade e na cozinha não é diferente. Por ser um espaço onde a funcionalidade conta muito, algumas dicas podem o fazer economizar bastante na tarefa de decorar.

Azulejos de cara nova

Se está farto dos azulejos que têm na cozinha por estes estarem velhos e sem brilho, ou mesmo se já lhe escorregou uma faca da mão, que bateu num azulejo e o partiu? Esta pode ser a altura ideal para os trocar. Opte por um tipo de azulejo brilhante para toda a divisão, que reflicta a luz solar, pode sempre combinar com azulejos foscos geralmente são mais resistentes e ideais para a zona do lavatório e da bancada.

Nunca é demais uma nova pintura

A pintura é sempre importante e deve ser feita em intervalos de 10 a 15 anos por forma fungos nas paredes. As cozinhas são ambientes propícios a este tipo de problemas, muito à semelhança como acontece com as casas de banho.

Pense bem antes de escolher cores garridas, use antes cores mais suaves como os verdes, laranjas, cremes ou brancos, lembre-se que deverá passar algum horas por dia na divisão, tenha especial atenção a este pormenor. Se tiver azulejos nas paredes da sua cozinha como acontece na maioria das casas portuguesas e não quiser remover ou instalar novos azulejos, geralmente deverá pedir ajuda a um profissional. Poderá sempre escolher usar uma tinta própria para azulejos dessa forma pode pintar por cima dos mesmos, criando um ambiente mais acolhedor sem gastar muito dinheiro.

Se quiser não gastar muito dinheiro pense na possibilidade de pintar apenas os móveis e a mesa e cadeiras, geralmente mesmo com apenas uma pintura fresca, sem mudar o tom original consegue criar uma vida nova na divisão.

Arrumar com estilo

A arrumação é geralmente o processo mais complicado numa decoração, a decoração não é só decorar, tornar bonito, é também colocar os objectos nos sítios mais indicados de forma prática. Costuma-se dizer o que é antigo torna-se novo novamente, esta afirmação é bem verdade nas decorações dos dias de hoje. Actualmente voltou a moda de colocar as frigideiras num lugar visível suspensas em pegas libertando o espaço ocupado dentro dos armários para outros objectos necessários para a criação de uma obra de arte culinária. Se optar por esta abordagem evite colocar objectos sobre-dimensionados como o caso de Panelas ou Garfos e Colheres enormes.

Prateleiras, Prateleiras, Prateleiras, nunca se esqueça das prateleiras são arrumações essenciais e de fácil acesso, instale sempre a prateleira em sítios de fácil acesso adequados à sua altura por forma a não ter que se colocar em bicos de pés sempre que quer chegar a um frasco de especiarias. Deixe os armários apenas para guardar os utensílios que não usa diariamente.

Para os mais jovens

Se o leitor ou leitora for uma pessoa jovem e/ou solteira pense na possibilidade dos sticks que se colam em paredes e frigoríficos, numa cozinha do estilo vintage este tipo de acrescento pode conferir uma maior elegância ao espaço, caso seja escolhido o stick correcto e que melhor de adapte ao seu espaço e temas de interesse.

Por isso, se você pretende investir numa decoração da cozinha, faça os seus planos antecipadamente e decida com inteligência antes de começar. Se necessário consulte um profissional para executar o trabalho para a decoração, ou fale sempre com o fabricante dos móveis ache necessário.

Sem comentários

Deixe uma resposta